Secretaria Municipal de Educação divulga calendário para retorno das aulas em São Borja

Secretaria Municipal de Educação divulga calendário para retorno das aulas em São Borja

Foto: Divulgação/G1

A palestra online “Os Desafios da Educação em 2021”, realizada na quinta-feira, dia 18, e proferida por Jackes Reck, professor de pós-graduação do Senac e da Univates, abriu oficialmente o ano letivo para os professores da rede municipal em São Borja. Já os estudantes, inicialmente também com atividades à distância, voltam no dia 24, quarta-feira. Um detalhado plano de retomada foi montado no município, de prevenção à Covid-19, através do Centro de Operação de Emergência (COE), instituído através de decreto de agosto de 2020. A Equipe técnica, formada por representantes das secretarias municipais de Educação e de Saúde, elaborou protocolo abrangendo todas as demandas e ações a serem implementadas. 

O secretário de Educação, João Carlos Reolon, ressalta que todas as iniciativas foram pensadas para garantir aos alunos da rede municipal o direito de acesso à Educação Básica, como preconiza a Constituição Federal e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). Reolon ainda destaca que o período de preparação pedagógica dos docentes será mais longo, de quatro dias, e a volta dos estudantes a aulas presenciais será a partir de março – divididos em grupos e de forma escalonada. 

O secretário igualmente chama a atenção que a oferta de ensino híbrido – de aulas presenciais e à distância – resulta de um ano de avaliações, experiências e aprendizados ao longo da pandemia. A  opção pelo retorno às aulas presenciais é a partir da definição dos ministérios e secretarias estaduais e municipais de Educação e de Saúde, assim como os conselhos que atuam nessas áreas. Opinaram no mesmo sentido o Governo Estadual e a Undime (União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação). O COE Municipal foi formado a partir dessas diretrizes gerais.

CALENDÁRIO: 

O cronograma de volta às aulas na rede municipal define que as reuniões pedagógicas dos professores nas escolas ocorrerão entre os dias 19 e 23 de fevereiro. De 24 a 26 aulas remotas para todos os alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental (EF) e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O Ensino Fundamental será dividido em dois grupos, Grupo 1 e Grupo 2;

De 1 ° a 05 de março, acontecerão aulas presenciais para os alunos do 1 ° ao 5 ° ano – Grupo 1 –

Já o Grupo 2 terá aulas presenciais de 08 a 12 de março.

O mesmo critério será utilizado para o Ensino Fundamental II, sendo que o Grupo 1, terá aulas presenciais do dia 08/03 a 12/03.

A Educação para Jovens e Adultos (EJA), obedecerá o mesmo calendário do Ensino Fundamental II com aulas presenciais para todas as Totalidades.

O Grupo 2 do Ensino Fundamental II, terá aulas presenciais de 15/03 a 19/03.

A Educação Infantil – Pré I e II das EMEFs iniciarão suas atividades presenciais a partir de 15 de março.

A Etapa Creche: Maternais I e II das EMEIs iniciarão suas atividades presenciais de 11 a 19 de março e Berçários I e II de 22/03 a 26/03.

Os professores do Ensino Fundamental precisam de três horas de atendimento presencial diário aos estudantes. Com o objetivo de obedecer às normas de distanciamento social controlado, a turma será dividida em dois grupos, alternando atividades presenciais e não presenciais semanalmente entre os grupos, em sistema de rodízio.

Comentários