Corsan retoma suspensão de abastecimento para inadimplentes a partir de 1º de outubro

Corsan retoma suspensão de abastecimento para inadimplentes a partir de 1º de outubro

Foto: ESBC/Divulgação

Após uma autorização do Governo do Estado, a partir desta quinta-feira, dia 1º de outubro, a Companhia Riograndense de Abastecimento (Corsan) vai retomar os cortes no abastecimento de água em todo o estado. 

Segundo o gerente da Corsan de São Borja, Manoel Joaquim Carvalho, mensalmente estava sendo prorrogada a suspensão do abastecimento em função da pandemia. “A partir da data definida, juntamente do Governo do Estado, a Corsan chegou a conclusão que vai ser retomado o serviço de suspensão para quem está inadimplente”, afirma o gerente. Em janeiro, o índice de inadimplência era de 2,65%. Já o índice mais atualizado, referente a junho, é de 6,44%. Muitas pessoas com essa situação de não haver a suspensão, acabaram acumulando os débitos já existentes antes de a pandemia ser declarada calamidade pública, sendo usuários com dívidas acumuladas de janeiro e fevereiro. 

Porém, há a possibilidade de fazer uma negociação para regularizar as dívidas e evitar que o corte seja feito. O serviço pode ser consultado pelo telefone 0800 646 6444 da Companhia, desde que o usuário possua um e-mail válido para iniciar a negociação. É preciso uma entrada de 35% do valor total da dívida como entrada, e o restante pode ser parcelado em até 12x. Para quem possui conta normal, a fatura mínima será de R$ 50,00, e quem possui tarifa social, parcela mínima de R$ 30,00. Para que não haja a suspensão, a companhia recomenda que o serviço seja procurado o quanto antes. Em São Borja, cerca de 600 usuários estavam isentos do corte, que voltarão a ser faturados a partir de 1º de outubro. 

O gerente afirmou que os atendimentos na unidade da Corsan estão sendo feitos a partir de agendamento, pelo mesmo telefone da negociação. Há também a possibilidade de fazer o atendimento pelo aplicativo da companhia, que pode ser baixado gratuitamente para celular ou pelo site, em virtude de manter os procedimentos de distanciamento e cuidados para a prevenção do coronavírus. 

Comentários