Confira o que pode e o que não pode funcionar em São Borja com a bandeira vermelha

Confira o que pode e o que não pode funcionar em São Borja com a bandeira vermelha

Após a implementação da bandeira vermelha, dentro do programa de distanciamento controlado, criado pelo Governo do Estado, a Prefeitura Municipal divulgou uma cartilha contendo todas as orientações do que pode, e como podem funcionar os estabelecimentos dentro do plano de contingenciamento que a bandeira traz. Baseado no decreto estadual, segue abaixo informações relevantes sobre as restrições impostas durante esta semana em São Borja.

Agropecuária

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Agricultura, Pecuária e Serviços relacionados

– Produção Florestal                                  

– Pesca e Aquicultura

Alimentação

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento exclusivo para telentrega, pegue e leve e drive-thru:

– Restaurante a la carte, prato feito e buffet sem autosserviço

– Lanchonetes e Padarias

Fechado:

Restaurantes de autosserviço (self-service)

Alojamento

40% dos quartos com teletrabalho e presencial restrito e com atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Hotéis e similares (geral)

75% dos quartos com teletrabalho e presencial restrito e com atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Hotéis e similares (beira de estradas e rodovias)

Comércio

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito com teleatendimento:

 – Comércio de Veículos

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e com atendimento presencial restrito e teleatendimento:

-Manutenção e reparação de veículos automotores

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento exclusivo para telentrega, pegue e leve e drive-thru:

– Comércio Atacadista – não essencial

Fechado com atendimento apenas por telentrega:

– Comércio varejista – não essencial

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e com atendimento presencial restrito, telentrega, pegue e leve e drive-thru:

– Comércio atacadista – itens essenciais

– Comércio varejista – itens essenciais

75% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e com atendimento presencial restrito sem aglomeração:

– Postos de Combustíveis

Educação

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento restrito de 50% de alunos ou individualizado sob agendamento (exclusivo para atividades necessárias à manutenção de seres vivos):

– Ensino Médio Técnico Subsequente, Ensino Superior e Pós-Graduação (somente atividades práticas essenciais para conclusão de curso: pesquisa, estágio curricular obrigatório, laboratórios e plantão)

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e somente teleatendimento:

– Atividades de apoio à educação

Fechado:

– Todos os demais ramos da educação devem trabalhar de forma on-line

Indústrias

75% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Construção de edifícios

– Obras de infraestrutura

– Serviços de construção

– Indústrias em geral

Saúde e Assistêcia

100% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Atenção à saúde humana

– Assistência social

75% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Assistência veterinária

Serviços

Fechado:

– Casas noturnas, bares e pubs

– Parques temáticos e similares

– Museus, bibliotecas, arquivos, acervos e similares

– Atividades de organizações associativas ligadas à arte e à cultura (MTG e similares)

– Eventos em ambiente fechado ou aberto

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento individualizado, em espaços de no mínimo 16m² por pessoa:

– Academia de ginástica (inclusive clubes)

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento individualizado de atletas profissionais e amadores, por ambiente (mín. 16m² por pessoa) sem público:

– Clubes sociais, esportivos e similares

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Reparação e manutenção de objetos e equipamentos

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito, telentrega e pegue e leve:

– Lavanderias e similares

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento individualizado, por ambiente (distanciamento de 4m entre clientes):

– Serviços de higiene pessoal (cabelereiro e barbeiro)

Máximo de 30 pessoas, respeitado o teto de ocupação com teletrabalho e presencial restrito e teleatendimento:

– Missas e serviços religiosos

50% trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Bancos, lotéricas e similares

– Serviços profissionais de advocacia e de contabilidade

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e teleatendimento:

– Imobiliárias e similares

– Serviços de auditoria, consultoria, engenharia, arquitetura, publicidade e outros

– Serviços administrativos e auxiliares – outros

75% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Vigilância, Segurança e Investigação

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Serviços para edifícios (limpeza e manutenção)

100% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito (máx. 10, se COVID-19) e teleatendimento:

– Funerária

50% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito:

– Edição e edição integrada à impressão

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e teleatendimento:

– Atividades de rádio e televisão

100% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatenddimento:

– Telecomunicações

– Serviços de TI

– Eletricidade, gás e outras utilidades

– Captação, tratamento e distribuição de água

– Esgoto e atividades relacionadas

– Coleta, tratamento e disposição de resíduos

– Descontaminação e gestão de resíduos

Transporte

50% dos assentos na janela, teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Transporte rodoviário fretado de passageiros

– Transporte rodoviário de passageiros (intermunicipal, tipo comum)

– Transporte rodoviário de passageiros (intermunicipal, tipo Semidireto, Direto, Executivo ou Seletivo)

– Transporte rodoviário de passageiros (interestadual)

100% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Transporte rodoviário de carga

50% capacidade total do veículo, teletrabalho e presencial restrito e atendimento presencial restrito e teleatendimento:

– Transporte coletivo de passageiros (municipal e metropolitano tipo comum)

25% dos trabalhadores com teletrabalho e presencial restrito com atendimento exclusivo para emergência Covid-19:

– Aeroclubes e aeródromos

Foto: Gelci Saraiva/Folha de São Borja

Comentários