10 milhões deverão ser liberados à classe artística pelos cancelamentos de shows

10 milhões deverão ser liberados à classe artística pelos cancelamentos de shows

A secretaria da Cultura do estado deverá liberar R$ 10 milhões de reais para atividades culturais, transmitidas pela internet, sem plateia, de acordo com informações do Giovani Grizotti, do G1Rs. O objetivo é compensar a perda de receita da classe artística, por causa da suspensão de shows. Os eventos foram cancelados em massa, para evitar a proliferação do Coronavírus. Em São Borja também foram cancelados vários eventos.

Segundo a secretária Beatriz Araújo, serão três editais a serem lançados, possivelmente, a partir de abril. Parte dos recursos já estão disponíveis através do FAC (Fundo de Apoio à Cultura). O restante será captado junto a empresas.

Também deverão ser beneficiados setores como pesquisa, inovação e patrimônio. O anúncio deverá ser feito pelo governador Eduardo Leite nos próximos dias.

No tradicionalismo, uma campanha de arrecadação de fundos para a compra de medicamentos e cestas básicas deve ser lançada, pelo MTG, para amparar artistas e trabalhadores que atuam em CTGs e rodeios.

Comentários